Joinville irá abrigar Academia de Música e Concert Hall

CineMaterna exibe filme com Lady Gaga neste dia 31 de outubro
25 de outubro de 2018
Oficina de Slime chega ao Garten para divertir a garotada
1 de novembro de 2018
Mostrar tudo

Joinville irá abrigar Academia de Música e Concert Hall

Estudar música, além de ser uma prática prazerosa, gera uma série de benefícios. A afirmação, baseada em pesquisas realizadas por especialistas, aponta que crianças melhoram o comportamento e se tornam mais disciplinadas. Tocar instrumentos musicais fortalece a coordenação motora, amplia o raciocínio, reforça o sentimento e a convivência em grupo, entre outros benefícios.

Por estes e outros motivos o Instituto Core de Música – um dos braços do Instituto Core – tem como missão formar musicistas de alto desempenho para integrar as orquestras infantojuvenil, jovem e filarmônica profissional, e planeja aconstrução de dois novos empreendimentos em Joinville: uma Academia de Música e um Concert Hall.Juntos, os dois edifícios se tornarão um centro de referência na formação musical e no desenvolvimento de orquestras.

O projeto ousado e inovador será apresentado à  convidados em um evento fechado no dia 6 de novembro, às 19h. Será uma oportunidade de conhecer o que o Instituto vem desenvolvendo e o que planeja para Joinville se tornar referência internacional, também, em música.

De acordo com o Conselho de Administração do Instituto Core, a realização deste projeto deve acelerar o processo de desenvolvimento dos estudantes da instituição. O Instituto Core, criado em 2016, é uma entidade privada, sem fins lucrativos, que fomenta a educação, a cultura e a inovação.

Atualmente, o Instituto Core de Música atende 170 alunos, todos bolsistas, sendo cerca de 50% das vagas concedidas integralmente para estudantes da rede pública de ensino e de baixa renda, com interesse e potencial para desenvolver carreira profissional como músicos de alta performance. Desta forma, o Instituto dá oportunidade ao estudo musical de alto nível para crianças e jovens talentosos, que não teriam condições financeiras para custear esses gastos.

Para o diretor artístico do Instituto, Sérgio Ogawa, além de formação musical, o objetivo deste projeto é que jovens se tornem excelentes cidadãos, grandes líderes de referência na sociedade e que contribuam para a transformação sociocultural do país.

A Academia de Música deve começar a sair do papel em 2019 e o Concert Hall começará a ser construído logo em seguida.

Saiba mais sobre a Academia de Música e o Concert Hall:

Edifício 1 – Academia de Música

A Academia de Música do Instituto Core será um verdadeiro palco para a cultura joinvilense, atendendo cerca de 400 alunos em seus quase seis mil metros. O ambiente irá contar com salas de estudo musical, espaços compatíveis à prática de diferentes instrumentos, equipamentos para aprendizagem à distância e auditório para a contemplação de espetáculos.

A ideia é que além das atividades curriculares, a escola receba grandes exposições, fomentando o intercâmbio de conhecimento com museus nacionais e internacionais.

Este ano, a acústica, a arquitetura e a engenharia da Academia de Música estão sendo definidas. O início das obras acontecerá em 2019, com entrega prevista para o ano de 2020.

Edifício 2 – Concert Hall

Inspirada nos melhores projetos já realizados no mundo, o segundo edifício comportará apresentações do circuito internacional de shows de orquestras, além de espetáculos do próprio Instituto Core de Música. O espaço interno terá capacidade para acolher até 700 espectadores. O projeto inclui ainda projetores em áreas externas para que mais de duas mil pessoas possam prestigiar as apresentações do lado de fora da estrutura, disseminando a cultura e arte.

O projeto conta com parceiros renomados mundialmente, a começar pela Nagata Acoustics, que é referência no mundo em arquitetura acústica tendo em seu portfólio espaços como a Philharmonie de Paris, New World Center Concert Hall, em Miami Beach, Walt Disney Concert Hall, em Los Angeles e a Elbphilharmonie de Hamburgo, na Alemanha.

O Instituto Core

O Instituto Core surgiu da cisão da Sociedade Educacional de Santa Catarina (Sociesc), em fevereiro de 2016. A entidade sem fins lucrativos herdou o compromisso da Sociesc e da Escola Técnica Tupy de atuar no desenvolvimento humano e econômico da comunidade. Desempenha projetos de aprimoramento da educação e de fomento à cultura, e mantém a Escola Internacional de Joinville. Apesar de ter nascido da cisão, o Instituto Core é independente e não tem mais vínculos com a UniSociesc.

A Escola Internacional de Joinville, que completa 10 anos,  já está construindo novas instalações. Serão 11.000 m² de salas de aula e laboratórios que estarão prontos para receber já no início de 2019 crianças e jovens que desfrutarão da melhor formação a nível mundial.

O Instituto Core de Música

Abriu as portas como um centro para formação profissional de musicistas de excelência. Seu objetivo é desenvolver talentos a partir dos quatro anos de idade, formando três orquestras de excelência: infantojuvenil (2020), jovem (2025) e filarmônica profissional (2030).

O plano de formação dos alunos tem duração de nove anos, onde serão preparados para aprimorar suas técnicas em universidades de referência no exterior, aproveitando a vivência internacional com musicistas inspiradores e retornando ao Brasil para compor a orquestra profissional e o corpo docente do Instituto, dando continuidade ao ciclo de formação de jovens talentos.

Assessoria de Imprensa:

Santa Cultura Comunicação Criativa

Sandra Moser e Taísa Rodrigues

Tel.: (47) 99179-7484 / (47) 98864-3373

Mariana Woj
Mariana Woj
Sou jornalista por profissão, editora da Revista Babies, casada com o Leandro e apaixonada pelo coração cheio da amor que adquiri desde que me tornei mãe do Ben,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *