O lado positivo dos concursos infantis

Natal com as criança em Joinville
13 de dezembro de 2015
Torcicolo em bebês
15 de dezembro de 2015
Mostrar tudo

O lado positivo dos concursos infantis

Ontem participei como jurada do meu quarto concurso de beleza infantil. Sei que muitas famílias são contrárias a incentivar que seus filhos participem, pois acham algo fútil, que elas estão tendo suas infâncias roubadas ou até mesmo acham injusto que a “beleza” das crianças seja questionada. Confesso que antes de participar da primeira competição também me assustava um pouco com a ideia, porém com o tempo, conhecendo melhor os regulamentos, percebi vários pontos positivos para os participantes. Se incentivado de maneira saudável, assim como os esportes, os concursos podem divertir e ajudar no desenvolvimento da criança.

O que é importante salientar é a presença dos pais nas competições, são eles que devem dar apoio, destacar a importância de simplesmente participar e que perder e ganhar faz parte. Infelizmente o que vemos são pais projetando algum tipo de anseio e expectativa nas crianças e isso acaba frustrando a família inteira. Caso seja do interesse do pequeno, deixe que seu filho (a) passe pela experiência sem cobranças. Nesta idade não importa qual lugar ela irá ganhar, mas sim a evolução que terá, pois os desfiles podem ajudar muito para que eles aprendam a lidar com o nervosismo, timidez, espontaneidade, simpatia, comprometimento e até a possibilidade de se integrar com outras crianças e descobrir seus talentos.

Para os pais minha dica é que não force a criança a participar, mas caso seja realmente da vontade dela deixe que ela participe escolhendo sua roupa, seu penteado, elogie sempre sua participação, tenha limite com a vaidade preservando sua imagem de criança e esteja por perto para dar aquele abraço no final, independente do resultado.

Caso tenha ficado com alguma dúvida, sugiro que antes de inscrever seu filho (a), converse com outras mães que já participaram de competições e questione como foi a experiência delas, quais os concursos sérios e que elas recomendam.

 

Mariana Woj
Mariana Woj
Sou jornalista por profissão, editora da Revista Babies, casada com o Leandro e apaixonada pelo coração cheio da amor que adquiri desde que me tornei mãe do Ben,

2 Comentários

  1. Gislene disse:

    Linda reportagem ..

  2. Solange disse:

    Excelente reportagem, sou mãe de miss e realmente o que pode se tornar divertido, dependendo a expectativa que a mãe influência a criança, pode causar muitas frustrações.
    Fica a dica para que torne esse evento como uma brincadeira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *